Blogger templates

quarta-feira, 1 de março de 2017

Bom humor

Humor é um substantivo masculino, de origem latina, humore, e significa a disposição de ânimo de uma pessoa.

O termo é aplicado ao estado de espírito, definindo se estamos de bom ou de mau humor.

O fato de nos sentirmos de uma forma ou de outra faz uma diferença enorme em nossas vidas.

Criatura alguma na Terra conduzirá a sua vida com segurança, sem ter o controle de seu humor.

Às vezes, defendemos nosso estado de ânimo alegando nossas dificuldades particulares.

Porém, ninguém transita pela Terra sem dificuldades em algum momento.

Devemos aceitar nossos problemas como fatores passageiros, buscando retirar deles os possíveis benefícios.

Ser uma companhia bem humorada não tem preço.

Beneficiamos e somos os maiores beneficiados, pois convivemos com nosso humor em todos os momentos.

Por outro lado, é fácil observarmos que o mau humor fecha as portas para muitas boas possibilidades.

Quando estamos mal humorados, apresentamos a fisionomia sombria, carregada.

Amargurados com tudo e com todos, nos apresentamos agressivos, chegando a desprezar os que nos cercam.

Isso faz com que as pessoas queiram nos evitar, pois nossa vibração é negativa, nos tornamos desagradáveis.

Se nos descobrimos assim, não demoremos a mudar nosso modo de ser.

Aprendamos a fazer bom uso dos presentes da vida, mesmo que se mostrem amargos ou azedos.

Nada justifica ficarmos remoendo o que nos machuca, o que nos incomoda.

Deus nos criou para o progresso e para a felicidade.

A nossa dor não impede o sol de brilhar, a chuva cair, o dia amanhecer e a noite chegar.

Embora, às vezes, a dor seja inevitável, a escolha do sofrimento corre por nossa conta.

A irritação não resolve nossos problemas.

Só o tempo pode amenizar algumas agruras da vida. Há que aguardarmos o tempo da bonança, que cesse a tempestade.

As lágrimas amargas, por mais doídas, jamais substituirão o suor que temos de verter em benefício de nossa felicidade.

Por isso, em vez de reagirmos, procuremos agir com sabedoria e calma.

Sabendo que o bom humor espalha felicidade, vamos elegê-lo para companhia constante.

Olhemos para tudo e todos buscando descobrir o que têm de melhor.

Dizem que as pessoas bem humoradas dificilmente ficam doentes, sorriem mais, vivem mais.

Eis a chance de permanecermos jovens e bem dispostos.

Felizes, teremos mais disposição para a vida, para as lutas, os embates.

É como se as nossas células se alimentassem de um néctar especial, carregado de energias vitalizantes.

Levemos a sério nossas obrigações e compromissos, desempenhando-os com responsabilidade.

Só o fato de bem cumprirmos nossas tarefas é um motivo para espalharmos nosso bom humor.

Respeitemos nosso corpo, nosso próximo, nossa casa, nossa pátria, nosso planeta. E sejamos felizes.

*   *   *

Sigamos o conselho amigo de Paulo de Tarso: Cada um contribua, segundo propôs em seu coração; não com tris­teza ou por necessidade, porque Deus ama o que dá com alegria.

Redação do Momento Espírita, com transcrição do capítulo 9, versículo 7, da 2ª Epístola aos Coríntios. Em 25.2.2017.

0 comentários: