Blogger templates

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Fim da infância? Quando ser criança é um estorvo...

0 comentários
Fim da infância? Quando ser criança é um estorvo...
 
O doutor foi requisitado quando a professora disse ter notado o menino, nos dias chuvosos, bastante hiperativo, irritado com o número quatro, nervoso com a hora do conto, e em outros dias, ensolarados, muito distraído, fitando o vazio no teto, imune até mesmo ao fascínio do computador...
 
Ela contou então que, na sequência, falou alto, gritou três vezes o seu nome para chamar sua atenção. Inutilmente, era um caso de infância perdida, ela sustentou, apoiado o discurso técnico pelo coordenador.
 
E quem tivesse o bom senso da arte dos sonhos também acrescentaria à sentença descabida da professora: “sim, é a atração pelas brincadeiras que quer tirá-lo dessas paredes sólidas que ensinam a marchar...”

O amor é uma decisão

0 comentários
Motivo de conversas de botequim, passando por músicas, poesias e reflexões dos grandes filósofos, o tema “Amor” sempre esteve em pauta desde que o mundo é mundo.
 
E o tema, claro, não passou despercebido pelo codificador do Espiritismo, Allan Kardec, que fez várias referências ao amor. Entretanto, destaco esta que considero esclarecedora e consta na questão de 938 de O livro dos Espíritos:
 
Vejamos o que Kardec comenta:
 
“A Natureza deu ao homem a necessidade de amar e de ser amado. Um dos maiores gozos que lhe são concedidos na Terra é o de encontrar corações que com o seu simpatizem. Dá-lhe ela, assim, as primícias da felicidade que o aguarda no mundo dos Espíritos perfeitos, onde tudo é amor e benignidade. Desse gozo está excluído o egoísta”.
 
Belíssimo comentário. Temos, todos, a necessidade de amar e de ser amados. Uma via de mão dupla. A felicidade que gozamos está no dar e receber e não apenas no receber.

Obesidade infantil: é urgente reinventar a infância

0 comentários
Em dez anos triplicou no Brasil o número de atestados de óbito nos quais a obesidade aparece como causa. Morre-se de quê? De excesso de peso.
 
Para tornar o cenário mais sombrio, infelizmente um terço das crianças no País está com sobrepeso e obesidade. Ainda é sabido que, em cada cinco crianças obesas, quatro permanecerão assim quando adultas.
 
O governo, é claro, ganharia muito se fizesse uma campanha persistente/adequada de prevenção e alteração de hábitos alimentares (para os saudáveis). Mas isso não ocorre por enquanto e a ausência desta proposta feliz pode estar orientada por questão política (mercado).
 
E a indústria alimentícia, por sua vez, é muito competente e interessada tanto na distribuição de alimentos como para deixar o (seu) produto barato e ultrapalatável – sim, pois a mistura de sal, gordura e açúcar é viciante, e o consumidor (criança) fica acorrentado pela língua/paladar.

A verdade, a Bondade e a Utilidade

0 comentários
 
Perante qualquer informação que nos chegue, independentemente da via de comunicação utilizada (conversa, leitura, audição etc.) é de fundamental importância refletir se o conteúdo da mensagem apresenta os critérios da verdade, da bondade e da utilidade.
 
Acredita-se que foi o filósofo grego Sócrates (Atenas,  469 a.C/.Atenas, 399 a.C) que teria estabelecido como princípio ético esses três critérios de análise de uma mensagem ou informação, antes de divulgá-la. É metodologia ética porque, como tal, ética (do grego, ethikos) significa dizer “bom costume”, que pode ser exercitado continuamente desde que submenta ações morais ao controle da razão.

Centro espírita com nome de freira viva

0 comentários
Ocupando modesta função na Saneago, superadas mil e uma dificuldades, em 1991, Sílvio Miraldo Carvalho Neto realizava seu grande ideal, fundando uma casa espírita. O nome, Irmã Dulce, ele já tinha escolhido há muito tempo mesmo ouvindo comentários assim:
 
– Centro espírita com nome de religiosa católica! Se fosse uma santa, mas uma simples freira e ainda por cima viva (Irmã Dulce morreu no ano seguinte)...
 
Quem pensa assim não sabe de nada. O Centro Espírita de Francisco Cândido Xavier em Pedro Leopoldo, existente até hoje, se chama Luiz Gonzaga, santo católico. As obras básicas da doutrina estão repletas de mensagens de Santo Agostinho, grande doutor da Igreja Católica.

Mary del Priore: história do espiritismo brasileiro em seu novo livro

0 comentários
Historiadora comenta que o Brasil é o país com maior número de espíritas
 
Mary del Priore participa da gravação do
'Programa do Jô' (Foto: TV Globo/Programa do Jô)
Você acredita em espírito? A escritora e historiadora Mary del Priore lança o livro "Do outro lado – a história do sobrenatural e do espiritismo", que discorre sobre o tema, que será abordado na novela Alto Astral. "O Brasil é o país com maior número de espíritas do mundo", revela.
 
Segundo a historiadora, a vinda do espiritismo kardecista para o Brasil foi facilitada por nossas boas relações com a França no século XIX. "O espiritismo chegou ao país como uma moda francesa."
 
Mary del Priore conta que os nossos antepassados acreditavam piamente em espíritos e achavam que o rádio e a fotografia podiam facilitar a comunicação com eles. "Eles faziam experimentos para tentar matar a vontade de conversar com os mortos."
 
- Veja o vídeo aqui.
 
*Notícia extraída do site Globo.
 

Venda de livros religiosos cresce mais do que dos exemplares didáticos

0 comentários
A atual realidade do mercado dos livros voltados para o espiritismo é resultado do trabalho de dois médiuns no âmbito nacional: Chico Xavier e Zíbia Gasparetto
 
Os livros com temática religiosa - especialmente os espíritas - se destacam por faturar   mais que os livros convencionais. Dados de pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisa Econômica (Fipe) e da Câmara Brasileira do Livro (CBL), divulgada este mês, com base nos dados de 2013, mostram que de 2012 para 2013 o faturamento com títulos religiosos teve variação positiva de 17%.
 
No caso dos livros didáticos, a pesquisa encontrou crescimento de 8,34%. Membro do conselho da Associação de Editoras, Distribuidoras e Divulgadores do Livro Espírita (Adeler),  Celso Maiellari explica que as tiragens dos livros espíritas são maiores do que os outros títulos. “Um lançamento de sucesso de uma editora convencional sai geralmente com cinco mil exemplares. No caso dos espíritas, eles saem com até 25 mil”, conta Maurício que também é  diretor da Lúmen Editorial.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Vereadores aprovam projeto envolvendo o Centro Espírita O Consolador

0 comentários
Mato Grosso LUCAS DO RIO VERDE
Vereadores aprovam projeto que reconhece o trabalho do Centro Espírita O Consolador como de utilidade pública
 
O Centro Espírita O Consolador foi declarado, no último dia 15, como de ‘utilidade pública, durante a sessão ordinária.  O projeto, de autoria do vereador Demétrio Cézar (PDT), foi apreciado e, por unanimidade, dado o parecer favorável, reconhecendo que esta entidade civil presta serviços, de acordo com o seu objetivo social, de interesse para toda a população.
 
“Essa entidade vem, como outras tantas de nossa cidade, trazer benefícios à coletividade. E com este apoio que demos, o centro poderá angariar fundos e desenvolver cada vez mais suas ações”, disse Demétrio Cézar.
 
Com a obtenção da declaração de ‘utilidade pública’, que é requisito para conseguir qualquer tipo de ajuda – do Poder Público –, o Centro Espírita O Consolador poderá firmar convênios para ter benefícios financeiros de modo a fortalecer o trabalho desenvolvido pela associação.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Mudar o mundo, a partir de si mesmo

0 comentários
É muito fácil percebermos que grande parte da nossa sociedade vive hoje numa espécie de loucura coletiva. Valores como compaixão, fraternidade, honestidade, cooperativismo, amor e união, que deveriam servir como base ética e moral, foram trocados, por muitos, por uma ambição descontrolada, pela sede insaciável de poder, prazer e fama, onde só os que estão em destaque merecem ser reconhecidos como pessoas de sucesso.
 
Não tenho nada contra o prazer, o poder, a riqueza... O que chamo atenção, aqui, é para o fato de que essas conquistas se tornaram fundamentais para que muitas pessoas consigam se sentir realizadas, felizes. Por que isso está acontecendo? Simples: porque ainda não conseguimos resolver nossas dificuldades internas (carências, medo, solidão, etc.) que carregamos há milênios. A cada encarnação revivemos determinados dramas morais, deixando gravado em nosso subconsciente traumas e dores, e para fugir do sofrimento buscamos várias formas de fuga, que acabam nublando nossa capacidade de enxergar e lidar com nossa realidade interna por trás das máscaras. De quem é a culpa? Nossa, é claro!

A medida do seu amor

0 comentários
Quem ama de forma amadurecida reconhece que não pode mudar ninguém. Apenas podemos colaborar, orientar, incentivar...
 
Farei uma breve análise do assunto, inspirado nas principais reflexões que Ermance Dufaux examina ao longo do livro Qual a Medida do seu Amor? São três as principais ilusões que envolvem o tema amor:
 
Acreditar que nosso amor é capaz de mudar quem nós amamos.
 
Parece-me que o fato de haver uma maior proximidade entre nós e as pessoas que amamos, de forma muito sutil passamos a acreditar que, por conhecê-las muito bem, temos o direito e a capacidade de mudá-las.

Saúde Integral é tema de encontros na região Noroeste de MT

0 comentários
A saúde integral do homem e da mulher do século 21 é o tema do ciclo de palestras e seminários que a representante da diretoria da Federação Espírita de Mato Grosso, Luiza Leontina, realiza de 8 a 13 de setembro na região norte do Estado.
 
A convite da Feemt Regional 24, Luiza tem encontros em Castanheira (dia 8), cidade distante a 820 quilômetros de Cuiabá, Juruena (dia 9), Aripuanã ( 10),  Colniza (dia 11),  Cotriguaçu ( dia 12) e, no dia 13, será a vez da Coordenação Regional de Juína promover o encontro.
 
Para Maurício Cesar Bento, Coordenador Geral  da Feemt 24, presidente da Associação Espírita Lar das Orquídeas de Cotriguaçu e um dos organizadores da Caravana com Luiza Leontina, os encontros têm por objetivo despertar o interesse de mais pessoas para conhecer a doutrina espírita. “. O tema das palestras foi escolhido tendo em vista uma “ onda” de suicídios que se abate sobre a região desde há alguns anos atrás e que, graças à bondade divina e boa vontade dos caravaneiros, tem sido debelada”, adiantou ele.

CHICO XAVIER: Filme mostra que 2019 pode ser ano para mudanças

0 comentários
Filme propõe reflexão sobre como a raça humana está definindo seu futuro
 
Não se trata de uma previsão escatológica como têm interpretado os maledicentes ou mal-informados. O que o filme “Data Limite – Segundo Chico Xavier”, que estreia amanhã, discute é a possibilidade de a humanidade intervir, desde já, em seu futuro. Inegavelmente, a raça humana vai colher o que plantou.
 
O filme se desenrola a partir de um depoimento que o médium Chico Xavier teria dado a alguns seletos amigos, entre eles Marlene Nobre e Geraldo Lemos Neto, em uma conversa informal ocorrida em 1986, após um jantar em sua casa, em Uberaba, e que eles relataram no livro “Não Será em 2012”.
 
Naquele momento, Chico revelou o futuro que está reservado ao planeta Terra. O documentário apresenta fatos e conexões históricas que apontam para a possibilidade de a previsão do médium se cumprir e propõe ao público uma reflexão sobre a grandeza do contexto do universo, sobre o fato de não estarmos sozinhos e os possíveis desdobramentos que se dariam a partir de uma eventual inserção da humanidade na sociedade interplanetária.

Jesus nunca resolveu problema particular

0 comentários
Sempre que lemos num livro de Carlos A. Baccelli – e eles são dezenas – frases atribuídas a Francisco Cândido Xavier, imaginamos como o escritor as colheu. Ele mesmo conta que, durante três décadas, amigo do saudoso médium de Uberaba, frequentou sua casa e o acompanhou em muitas atividades, sempre com papel e lápis na mão, anotando o que dizia.
 
Que tenhamos notícia, durante todo esse tempo, Chico jamais contestou a autenticidade de suas citações. Isto aconteceu, por exemplo, com o livro O Evangelho de Chico Xavier, publicado pela Casa Editora Espírita Pierre-Paul Didier em 2000, dois anos portanto antes da partida deste mundo daquele que foi, no século passado, a maior e mais sensível antena psíquica deste planeta.
 
Lá encontramos ensinamentos nada apreciados pelos pedidores de graças divinas sem a intenção de aprimoramento moral:
 
– Os espíritos amigos sempre se mostram dispostos a nos auxiliar, mas é preciso que, pelo menos, lhes ofereçamos uma base. Muitos ficam na expectativa do socorro do Alto, mas não querem nada com o esforço de renovação. Querem que os espíritos se intrometam na sua vida e resolvam os seus problemas.
 
Ora, nem Jesus Cristo, quando venho à Terra, se propôs resolver o problema particular de alguém. Ele se limitou a nos ensinar o caminho, que necessitamos palmilhar por nós mesmos. Muita gente nos procura e pede orientação, a orientação vem, frustrando quem espera uma solução acabada para o seu caso. Os espíritos amigos nos acompanham o entendimento, o olvido das ofensas recebidas. Se não as queremos esquecer, o que é que eles poderão fazer?!

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Questionamentos sobre a atitude espírita no velório

0 comentários
Recentemente, temos sido questionados sobre a atitude espírita mais adequada no velório. Obviamente, o espírita deve ter uma atitude de vigilância moral e espiritual para contribuir efetivamente com o desencarnante, principalmente através da prece e das suas vibrações através da conduta elevada; e com a família bem como os amigos encarnados do desencarnante, através do apoio emocional e espiritual, dentro dos limites naturais que a situação permita.  
 
Isso pode ou não incluir algum esclarecimento doutrinário pontual, desde que solicitado por um único indivíduo ou por um grupo e respeitando a liberdade individual de cada ser humano. Entretanto, alguns confrades nos questionaram a respeito de orientações recebidas em determinados grupos espíritas que recomendavam um trabalho fortemente doutrinário em velórios, seja velório de famílias espíritas ou não espíritas, independentemente desse trabalho ter sido ou não solicitado pela família.
 
Primeiramente temos que relembrar que o assunto velório é muito delicado, pois cada indivíduo reage à desencarnação de um ser querido de uma forma muito particular. Em que pese a muito provável boa intenção dos proponentes da supracitada diretriz, temos que convir que muitos familiares e amigos podem estar em verdadeiro estado de choque, ou seja, em contundente perturbação emocional e espiritual. Ademais, o trabalho de uma vida de amadurecimento religioso não pode ser improvisado, sobretudo em um momento de grande estresse emocional. Como dizem alguns estudiosos norte-americanos: “Na hora da ação, a hora da preparação já passou”.

Começa a ser construída a Escola Chico Xavier no bairro Beija-Flor III

0 comentários
Começarão as obras de construção da sede própria da Escola Estadual Francisco Cândido Xavier, no Conjunto Beija-Flor III. O 1º secretário da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Uberaba, vereador João Gilberto Ripposati, disse que o secretário de Estado de Governo, Márcio Eli Almeida Leandro, garantiu que a ordem de serviço foi emitida no dia 13 de agosto. “Foi uma grande conquista o anúncio feito pelo Estado, porque, recentemente, estive numa audiência com o secretário em Belo Horizonte e pedi que se empenhasse ao máximo para agilizar a construção dessa unidade escolar em Uberaba”, destacou.
 
 A obra será executada pela empresa Alcance Engenharia e Construtora Ltda, de Teófilo Otoni, através da parceria entre o Ministério da Educação/Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e do Governo do Estado ao custo de R$ 4.765.239,66. Conforme o Edital de Licitação do Departamento de Obras Públicas (DEOP) de Minas Gerais, serão construídas 16 salas de aula, com prazo de conclusão das obras em 360 dias, beneficiando cerca de 2.400 alunos. “A instituição de ensino funciona provisoriamente, há mais de dois anos, em salas comerciais no bairro Morumbi, local inadequado por estar próximo a um posto de combustível e à BR-262. Mas, dentro de um ano, esse problema poderá estar solucionado”, analisou.

Cuide mais de sua saúde espiritual

0 comentários
Não é somente a saúde física que devemos correr atrás para mantermos a boa forma, o peso, aumentar nossa longevidade, prevenir doenças e melhorar nosso sistema imunológico. Devemos também buscar nossa saúde espiritual, afinal, somos espíritos e estamos na matéria para exercermos nosso papel diante do universo.
 
Mas o que podemos fazer para conquistarmos a saúde espiritual?
 
- Orar é o primeiro remédio. Não vá dormir sem antes fazer uma singela oração agradecendo seu dia de trabalho e pelas oportunidades que surgiram pelo caminho.
 
- Não amarre sua vida nas dificuldades, encare-as como aprendizado de vida, analise melhor as situações a sua volta e veja o que está sendo bom ou ruim para sua existência. Descarte tudo o que não te faz crescer enquanto espírito.

Se Eu Ficar, 'drama espírita' já nos cinemas

0 comentários
Sob a direção de R.J. Cutler e estrelado por Chloë Grace Moretz, o drama Se Eu Ficar estreou nesta quinta-feira (4) em todo o Brasil.
 
"Não é incrível como a vida é uma coisa e de repente torna-se outra?" Pena que esses acontecimentos nem sempre são delicados e generosos. O novo trailer do drama Se Eu Ficar revela que Mia (Chloë Grace Moretz) precisa fazer uma escolha bem difícil. Ficar sem os pais, orfã,  ou partir sem Adam, o amor da sua vida.
 
A prodigiosa musicista Mia Hall (Chlöe Grace Moretz) tem uma vida perfeita: Pais amorosos e dedicados, uma amiga fiel e um namorado apaixonado. Sua maior dúvida é se é necessário se dedicar integralmente à carreira na famosa escola Julliard ou se pode também aproveitar mais o tempo ao lado de seu grande amor. Até que um dia, após sofrer um acidente de carro e perder a família, Mia fica à beira da morte. Em coma, ela começa a refletir sobre toda a sua vida e o que fará caso sobreviva. Será que ela fica?

Literatura doutrinária

0 comentários
Autores ligados a alguma crença ou religião estão entre os mais celebrados no Brasil e grande alcance da Literatura Espírita é destaque
 
A terceira – e última – edição da pesquisa Retrato da Leitura no Brasil, coordenada pelo Instituto Pró-Livro e realizada em 2011, mostra que os brasileiros colocam autores ligados a alguma religião ou doutrina entre os mais admirados do País. Entre os 25 autores mais lembrados e que foram citados na pesquisa, estão Zíbia Gasparetto, padre Marcelo Rossi e Silas Malafaia, representantes do espiritismo, catolicismo e protestantismo, respectivamente.
 
Entre os livros mais lembrados na pesquisa, estão Ágape, escrito pelo padre Marcelo Rossi – e que foi apontado pelo levantamento como o segundo livro mais lido no País naquele ano –, Violetas na Janela, psicografado por Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho, e Bom dia, Espírito Santo, livro gospel de autoria de Benny Hinn. De acordo com a pesquisa, a Bíblia é o livro mais lido no Brasil.