Blogger templates

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Se deseja saúde, desarme sua cara e estampe logo um sorriso no rosto

Risoterapia

Eu vivo contente a cantar, em paz e alegria é o meu caminhar…
Chico Xavier

Não há muita alegria na medicina, mas há muito remédio na alegria.
Josh Billings

Cultive a Alegria e o Bom Humor, pois a saúde anda de mãos dadas com esses dois poderosos remédios. O sorriso é a maior expressão da alegria, tão importante como os remédios e terapias. Se desejar recuperar a saúde, procure logo desarmar sua cara e estampe logo um sorriso no rosto a fim de que as correntes divinas da cura consigam alguma sintonia com você.

No Reino dos Céus, os anjos encarregados da cura vivem sorrindo porque os males do nosso corpo são originários de uma forma de viver muito tensa, dramática e orgulhosa. O riso espanta a doença porque devolve alegria a cada célula do corpo.


A ciência médica já comprovou que o riso é terapêutico, tem poder de relaxar as tensões, melhorar a circulação sanguínea e fortalecer o sistema imunológico.

Comece rindo de si mesmo, não se leve tão a sério. Ria das coisas ridículas à sua volta. Curta o lado engraçado da vida e isso trará benefícios enormes para a saúde. Os perfeccionistas costumam viver de cara amarrada e geralmente estão cheios de doenças e remédios. O corpo é uma panela de pressão, se você não deixar o vapor escapar, a panela explode.

Quando você sorri com a alma, todo o seu corpo sorri também, e isso provoca um afrouxamento geral das tensões.

Permita-se momentos de descontração durante o dia, faça pausas para conversar leve e despreocupadamente. Conte e ouça anedotas saudáveis, mate sua doença de tanto rir, afinal de contas, como está na Bíblia: “o coração alegre é bom remédio, mas o espírito abatido faz secar os ossos. ”

Vá à locadora de vídeos e encontre um pouco de saúde na sessão de comédias. Ao invés de discursar para os amigos sobre todos os meandros de suas dificuldades orgânicas, reúna-os para se divertirem com filmes hilariantes.

Encontre graça nos episódios do cotidiano, pois uma pessoa sem graça geralmente é sem saúde também.

*Texto extraído do site Um Caminho

0 comentários: